sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Cardeal Kasper acusa outros Cardeiais de Atacarem o Papa Francisco.


Cinco cardeias: Walter Brandmuller, Raymond Burke, Carlo Cafarra, Velasio de Paolis e Gerhard Muller, escreveram um livro em defesa do casamento tradicional e o relacionamento deste com a Eucaristia, o Corpo de Cristo, no momento em que outro cardeal, o cardeal Kasper (foto acima) defendeu publicamente que a Igreja deve relaxar sua doutrina em relação a isso e permitir que as pessoas divorciadas e casadas novamente no civil (e por isso vivendo em pecado) recebam a hóstia consagrada.

Eu falei do livro aqui no blog assim que fui anunciado.

Hoje, leio no blog do Padre Z que o cardeal Kasper anda acusando publicamente estes cardeias que escreveram o livro de atacarem o Papa Francisco. Estes cardeias estariam sendo desobedientes.

Vejamos o que diz o Padre Z (traduzo em azul):

Card. Kasper, o proponente da solução "tolerada mas não aceita", vem reagindo na imprensa secular italiana hoje. Ele está "surpreso" com o aparecimento do "livro dos cinco cardeais". 

Diz Kasper:

"Nenhum de meus irmãos cardeais falou comigo. Eu, por outro lado, falei duas vezes com o Santo Padre. Combinei tudo com ele. Ele estava de acordo. O que pode fazer um cardeal, mas ficar com o papa? Eu não sou o alvo, o alvo é outro. "

Questionado sobre se o alvo era o Papa Francisco, o cardeal respondeu: "Provavelmente sim".

Isso é mentira. 

Eu li o livro. Foi-me enviado pelo editor. O Kasper não diz é verdade. A única maneira em que Sua Santidade é mencionada no livro é de forma favorável. O Papa é elogiado.

Nããão .... o objetivo é do cardeal Kasper. E ele sabe disso. É por isso que ele está se escondendo atrás das saias do Santo Padre. 

Especificamente, o Papa é elogiado por seu discurso à Comissão Teológica Internacional, quando ele lembrou-lhes que a fé não tinha nada a ver com as pesquisas de opinião. Francisco é citado no livro, quando ele reiterou, em abril de 2014 aos bispos da África do Sul, Botswana e Suazilândia que o casamento é entre um homem e uma mulher e é indissolúvel. Francisco também elogiou Familiaris consortio de St. John Paul como base para a instrução do casamento nestes países africanos. 

O "Livro dos Cinco cardeais", se é anti-Kasper em algo, só pode ser descrito como uma ataque light. 


Se você quer um livro que ataca diretamente Kasper pelo nome, leia "The Gospel of the Family: Going Beyond Cardinal Kasper´s Proposal in the Debate on Marriage, Civil Re-Marriage and Communion in the Church", escrito por J.J Pérez Soba e S.Kampowski com prefácio do cardeal Pell.

---
Bom, o assunto está ficando muito feio entre os cardeais. O livro dos cinco cardeais seguramente não ataca o Papa Francisco, mas nesta briga pública entre os "príncipes da Igreja" seguramente o Papa Francisco tem culpa. Infelizmente. 

Como se diz na minha terra: "Quem engorda o gado é o olho do dono"


(Agradeço o texto do Padre Z ao site Big Pulpit)

8 comentários:

Anônimo disse...

Ele estava de férias no pontificado de Bento XVI para não defendê-lo dos ataques (já que agora se dói com supostos "ataques ao Papa")? Ou seria um dos principais opositores, que atacaram ao Papa covardemente?
Esse aí prefere transformar uma contestação feita a ele para um ataque feito ao Papa. Aí vira um "católico exemplar", fidelíssimo ao Papa.
Gente assim gosta de manejar o discurso, é aquele tipo que chega dizendo que a autoridade da Igreja deve ser eliminada, e quando alguém pergunta com que autoridade eles dizem isso, respondem mostrando um cargo eclesiástico.

André

Pedro Erik disse...

Excelente comentário, André. Ótimo destacar a hipocrisia eclesiástica.
Abraço
Pedro Erik

Anônimo disse...

Por que Francisco tem culpa ?? explique isso melhor ????

Pedro Erik disse...

Bom é simples, caro Anônimo.
Kasper defendeu sua posição em frente ao Papa e aos cardeais. O Papa elogiou o discurso de Kasper. Depois o Papa deu mensagens confusas sobre sua posição e disse que o sínodo era para tratar de muitas outras coisas, tentando tirar o foco sobre Kasper sem esclarecer sua posição.
Em suma, o Papa deixa todos apreensivos. É muito confuso e a posição de Kasper é uma afronta à Doutrina.
Quem engorda o boi é o olho do dono. As incertezas do Papa Francisco jogam incertezas em todos e os ataques públicos de Kasper só pioram enquanto o Papa silencia.
Abraço
Pedro Erik

Anônimo disse...

Ótimo blog, acrescentei na minha lista de favoritos. Gostaria se poderia publicar artigos dele no meu Facebook.
Que Deus e a Virgem Santíssima lhe proteja!

Pedro Erik disse...

Amém, caro Anônimo. Que ela proteja você também.

Eu não uso Facebook. Mas fique a vontade para publicar meus artigos na sua página de Facebook. Tenho a impressão que outro comentarista do meu blog já publica.

Deus lhe abençoe.

Grande abraço,
Pedro Erik

Duddu Pontes disse...

Eu publico. Constantemente. =)
Seus escritos nos ajudam muito, caro Pedro!

Abraco!

Pedro Erik disse...

Ótimo, meu amigo Duddu.
Grande abraço,
Pedro Erik