quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

As Ameaças de Morte Contra Artistas Cantando no Dia de Inauguração de Trump. E Investigação Prova Tentativa de Terrorismo para o Dia da Cerimônia de Trump



Muitos da imprensa brasileira andam relatando que artistas não vão cantar no dia de inauguração de Trump para presidente, como se fosse um fato contra Trump. Mas basta algum artista anunciar que cantará na cerimônia que dá posse a Trump para que receba ameaças de morte.

Vejamos alguns exemplos relatados

1) Cantor Andrea Boccelli disse que gostaria de cantar no dia da inauguração de Trump mas recebeu muitas ameaças de morte.

2) Cantora Jennifer Holliday diz que desistiu de cantar no dia da inauguração de Trump por receber "ameaças de morte de negros"

3) Bill O'Reilly relata várias ameaças recebidas por uma banda formada por negros de uma faculdade pobre que cantaria na inauguração de Trump. Ao fim, a boa notícia é que o presidente da faculdade, conseguiu apoio financeiro ficiente, e a banda participará. As ameaças continuam.

E foram descobertos planos terroristas de esquerdistas para serem executados no dia da posse de Trump:









Os radicais de vertente esquerdista não aceitam a derrota. Eles não respeitam democracia. Isso está no sangue socialista. E eles estão especialmente em universidades e jornais. Eles não vão parar. É bom que isso fique claro para todos que leem notícias nos jornais ou na TV.

E Trump deve saber disso. Ele corre risco de morte diariamente.



5 comentários:

Anônimo disse...


Olá, Pedro!



Me deparei hoje com uma notícia sobre o apoio de certos padres alemães ao fim do celibato:

http://www.dw.com/en/high-ranking-catholic-priests-push-for-an-end-to-celibacy/a-37168709

Conhecendo a realidade dos seminários atuais, fonte do lobby gay dentro da Igreja através do ingresso de muitos homossexuais, penso que seria uma boa alternativa. Sou favorável ao celibato e reconheço sua importância, mas abrir espaço para casados bloquearia o avanço dos homossexuais ativistas. Além disso, acredito que os católicos casados tenham uma visão mais conservadora e mais conforme ao Evangelho do que muitos padres mal preparados intelectual e espiritualmente.

Gostaria de saber a sua posição no assunto.


Grande abraço,

Jonas

Pedro Erik disse...

Caro Jonas,

Infelizmente, eu discordo de você.

Basta ver o que ocorre nas igrejas protestantes. Todas aceitam casados e a imensa maioria aceita casamento gay e boa parte aceita aborto.

Grande abraço,
Pedro

Anônimo disse...

Sem problemas,


A questão do protestantismo é um bom ponto.

Estive em um seminário ano passado e me preocupei muito com a questão da homossexualidade e de homens "feminilizados". É necessária alguma ação pra conter a situação; se não, logo teremos muitos mais padres favoráveis a mudanças da doutrina, procurando um acolhimento na Igreja de seus próprios pecados.


Abraço e obrigado pela resposta,

Jonas

Pedro Erik disse...

É verdade. O mundo está muito efeminado. E, infelizmente, a Igreja também.
Abraço, irmão.
Pedro

flavio disse...

Tantos abandonando as mulheres esposas para depois de velhos viverem como bichas. Aqui no litoral de SC virou modinha.
Concordo com o sistema ortodoxo de ordenação, abrindo espaço para os casados, mas por outros motivos que o avanço gay. Para se ter mais padres mesmos.
Mas as escrituras diziam que na parte final dos tempos o casamento seria "proibido" e os sexos seriam inflamados para o semelhante.