terça-feira, 22 de outubro de 2019

Paganismo, Panteísmo, Politeísmo, Panenteismo, Animismo e.... Avacalhação Mesmo


Ontem,  eu li um artigo que discute o que significa aquela imagem de uma mulher nua grávida em madeira que acabou virando símbolo do paganismo do Sínodo da Amazônia.

A conclusão do artigo é que nem os padres do Sínodo, nem os índios lá, nem os voluntários sabem exatamente o que significa a imagem. Então, o artigo conclui que é apenas um símbolo pagão usado como instrumento político e ideológico.

Em suma, como disse um amigo, trata-se apenas da velha avacalhação brasileira.

Verdade, a nossa conhecida avacalhação está presente em inúmeros aspectos: político, religioso e moral

Bom, na semana passada eu li outro artigo que explica o que significa paganismo, panteísmo, politeísmo, panenteismo, animismo, olhando para o Sínodo.

O artigo é do padre Dwight Longenecker.

Uma das principais característica do paganismo, segundo o padre Dwight, é justamente a avacalhação, isto é, a falta de doutrina ou regra ou qualquer preocupação com a moral.

Aqui vai parte do artigo dele:

Pagans, Pantheism and Polytheism


It’s never easy to categorize paganism because it is, by its very nature, amorphous, subjective and lacking any central doctrinal or moral authority. Paganism in the ancient world was syncretistic and free flowing, gathering up various streams of spirituality, philosophy and devotional and ritualistic practices.
It is the same today. In fact, one could observe that paganism, with its undefined borders and subjective syncretism, is the understandable form of religion for our post modern age, just as it was in ancient Rome. In fact the similarities multiply once you begin to press them. The world of the Roman Empire was similarly diffuse with rapid mobility, movement of peoples and trade and therefore a cross pollination of culture, religious beliefs, philosophies and languages.
The simplest way to understand paganism is to realize that it has nothing to do with morality. The link between morality and religion is a Hebrew inspiration. Pagans may be “good” or they may be “bad”. They may regard themselves as “beyond good and evil.” In fact paganism has nothing intrinsically to do with morality. Instead paganism is a religious practice or belief that has to do with an interchange with the spiritual realm either to win favors in this life or to gain favors in the afterlife. Pagans try to please the gods or appease the gods depending on their perspective. They may not try to please gods as such and are only trying to please or appease “fate” or “their karma” or “the Force.”

...

With the present Synod in Rome on the Amazon it is worth outlining some other more specific forms of paganism. Pantheism is the idea that the natural world and God are the same. There is no God outside the cosmos. The natural universe is coterminous with God or at best the created universe is the “incarnation of God.” Panentheism is slightly different. Panentheism is the belief that there is a God greater than the cosmos, but that he inhabits the cosmos. God is not nature. Instead God is IN nature.

Animism is a more primitive understanding of pantheism. Most of the religions of indigenous peoples in the Amazon (and elsewhere) are animist. The animist doesn’t so much believe that Nature is God or that God is in Nature. Instead he believes that the different natural objects and creatures are indwelt by various different spirits.

Leiam todo o artigo no site do Padre Dwight





6 comentários:

Adilson disse...

Ah ah ah. Gostei da expressão: ESCULHAMBAÇÃO. Faz anos que não me encontrava com esse vocábulo. Por falar nisso, inspirado na postagem de hoje, acabei de deixar um comentário no youtube do sr. Bernardo em seu vídeo de hoje onde falou sobre o tal pacto das catacumbas: escrevi que o Vaticano de papa Francisco é uma verdadeira DESORDEM.

Obs.: não tive estômago para assistir o vídeo todo, depois que o rapaz insistiu na retórica de que os carinhas que renovaram o tal pacto NÃO FAZEM PARTE DO PROCESSO DO SÍNODO. Putz. Foi demais pra mim.

Pedro Erik disse...

O quê? Ele disse isso do relator do Sínodo?

Realmente, eu não consigo assistir ao Kuster. Muito vezes ele se comporta de forma desonesta, infelizmente.

Abraço, meu amigo

Adilson disse...

Dr Pedro, um comentário aqui de última hora: por acaso o senhor já verificou uma notícia que está correndo o mundo sobre um suposto depósito de Lula no Banco do Vaticano? A denúncia, que virou notícia, foi apresentada pela Helga em seu canal no youtube. O link https://www.youtube.com/watch?v=8Sabtn_zrAA

Pedro Erik disse...

Meu amigo, eu li algo sobre isso. Mas não me detive. Vi apenas o título de um texto.

Mas não lembro bem.

Vou dar uma olhada no link que mandou. Obrigado, meu caro.

Abraço

Isac disse...

Paganismo, Panteísmo, Politeísmo, Panenteismo, Animismo e.... Avacalhação Mesmo + baixarias anti católicas do papa Francisco, de dia com sol quente, ao lado do andor de pachamamma!


Unknown disse...

O antipapa Bergoglio herege modernista público e escandaloso é um cego guiando outros cegos!