quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

O Universo é Eterno ou Foi Criado?

-

Saber que o universo sempre existiu (é eterno) ou foi criado é uma das maiores perguntas da humanidade e leva a questionamentos sobre a existência de Deus. Esta questão é conhecida como o Problema da Gênesis.

A teoria mais aceita hoje sobre a formação do universo é a do Big Bang, uma grande explosão que aconteceu em algum momento do tempo. Essa teoria exige um primeira causa que não teve causa. Isto é, algo existe sem que nada provocasse a existência dele e criou o Universo. Em outras palavras, Deus criou o universo.

Ontem, eu li que, no aniversário de Stephen Hawking (foto acima)  foi feito um simpósio sobre o assunto na Universidade de Cambridge. Foram apresentadas todas as teorias que tentam provar que o universo é eterno, que tentam anular Deus. O resultado é que os autores mostraram que estas teorias não conseguem anular a criação do universo em um momento do tempo, não conseguem, por assim dizer, anular Deus da criação do universo.



A revista científica New Scientist fez um editorial sobre as apresentações e disse que o resultado do simpósio foi o pior presente de aniversário que Stephen Hawking já recebeu.

Stephen Hawking é ateu e declarou abertamente que quer provar a eternidade do universo para eliminar Deus. Ele defende que a gravidade é eterna e suficiente para explicar a energia liberada no Big Bang.

As apresentações não estão disponíveis na internet. Mas o site The Sacred Page encontrou as conclusões do simpósio em outro site. Elas mostram que nenhum modelo de universo eterno funciona,  estão longe de contrapor a existência de Deus, força sem explicação, sem causa.

Aqui vão as conclusões do simpósio sobre os modelos que tentam provar que o universo é eterno:

1) Modelo da Eterna Inflação: Este modelo imagina que bolhas de universo se formam e inflam eternamente. Este modelo foi desacreditado, pois ainda precisaria de um universo em expansão;

2) Modelo dos Ciclos Eternos: Estabelece que o universo varia eternamente entre expansão e contração. Este modelo também não funciona porque precisa de cada vez mais "desordem" para que continue o ciclo de expansão e contração.

3) Teoria do Ovo Eterno: O universo seria como um ovo cósmico em eterna incubação. Esta teoria também foi desacreditada, o "ovo" não poderia existir eternamente.


Bom, não sou astrônomo e também não tenho certeza se a existência de Deus depende de um universo criado e não eterno.

Mas, gostei de ver que o ateísmo é menos científico do que a crença em Deus.


(Agradeço a indicação do simpósio ao site New Advent).

2 comentários:

Anônimo disse...

Pesquisar mais...universos em outras dimensões, etc...o bigbang foi apenas o inicio de um mundo...outros estão do outro lado de buracos negros... e a teoria corrente na mecânica quântica é a de que a realidade é criada por nossa consciencia (os deuses somos nóe)...Há muita a descobrir antes de aceitar os dogmas religiosos com passividade.

Anônimo disse...

Existe a Teoria do universo Eterno.
Nela o Big Bang seria o momento inicial da expansão, não o momento da criação.
Talvez a questão do blog abaixo explique melhor o que eu quero dizer...
http://ingersoll.comunidades.net/a-enrolacao-de-kalam2