quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Nigéria: Mateus 5:39 e Doutrina da Guerra Justa

-

Cristo disse "se alguém te bater na face direita, oferece-lhe também a esquerda!" (Mateus 5,39). Será que devemos usar este ensinamento para quem usa uma cruz para se disfarçar de cristão, invade uma Igreja, durante a missa, e explode a si mesmo e a Igreja, matando 15 (a maioria mulheres e crianças) e ferindo 150 (inclusive o padre)?

Foi exatamente isso que aconteceu na Nigéria, no domingo passado (foto acima de Aliyu Adenkule). O ataque aconteceu na hora da eucaristia.

Para mim, foi um ataque contra o Espírito Santo, não há perdão para isso, como o próprio Cristo disse (Mateus 12:31).

Nós cristãos temos a Doutrina da Guerra Justa, estabelecida por teólogos católicos, como São Tomás de Aquino, para nos defender de quem deseja nos destruir. Podemos fazer guerra por motivos justos. Já mencionei aqui os princípios desta Doutrina para falar sobre o Irã.

O que não podemos fazer é repetir o pecado de quem nos ataca, como sair por aí matando pessoas simplesmente por serem muçulmanas. Pois assim, seríamos iguais a eles. A vida de todos é um valor cristão, não apenas a vida dos cristãos.

Pois Cristo veio '"para que todos tenham vida e a tenham em abundância" (Jo 10:10).

Rezemos pelo povo da Nigéria. Que a própria Nigéria e o mundo o defendam.


(Agradeço a notícia tristíssima da Nigéria ao site Pewsitter)

2 comentários:

FireHead disse...

Para não variar, tratou-se do grupo islamita Boko Haram.

FireHead disse...

Curioso como esses pretos muçulmanos não sabem que o islão é anti-preto desde a sua génese e que o próprio Maomé encarajou a escravatura...