sábado, 21 de março de 2015

O Santinho de Chesterton para Oração (Vamos fazer nossos)



Soube hoje que o processo de canonização de Chesterton está na fase de "prayer card" (santinhos), para que se peça intervenção de Chesterton e assim possamos chegar a sua canonização. Acima a versão do santinho em inglês.

No site da Sociedade Chesterton do Reino Unido, há os santinhos em várias línguas, mas não em português.

Vamos fazer os nossos. Aqui vai a tradução que fiz para a oração a Chesterton.

Deus, nosso Pai, Senhor que preencheu a vida do Teu servo Gilbert Keith Chesterton com um senso de reverência e alegria, e deu a ele uma fé que foi o fundamento do seu trabalho incessante, uma caridade para com todos os homens, em especial para seus oponentes, e uma esperança que brotou de sua permanente gratidão em relação ao dom da vida humana. Que a sua inocência, seu sorriso, sua contínua luta pela fé cristã em um mundo que perde a crença, sua permanente devoção a Santíssima Virgem Maria e seu amor por todos os homens, especialmente pelos pobres, traga entusiasmo para aqueles em desespero, convicção e fervor para os fiéis trépidos e o conhecimento de Deus para aqueles sem fé. Nós pedimos ao Senhor que nos conceda os favores que pedimos pela intercessão dele, o fim do aborto neste país [e especialmente por...] para que a santidade dele possa ser reconhecida por todos e a Igreja possa proclamá-lo Beato. Nós suplicamos em nome do Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.


Alô Sociedade Chesterton Brasil!


(Agradeço a indicação dos santinhos ao site New Advent)

4 comentários:

Adilson J. da Silva disse...

Boa tarde, nobre Pedro.
Eis uma maravilhosa notícia! Isso é muito muito muito bom. Creio que não demorará muito para sair uma versão aqui em Curitiba, já que há uma grande quantidade de leitores do Chesterton pora qui. Eu mesmo tenho dois livros dele e pretendo comprar mais alguns. É pena que aqui no Brasil os livros ultimamente tem subido de preço!
Então já podemos orar: "São Chesterton, rogai por nós"!
Abraços.

Pedro Erik disse...

É isso, caríssimo Adilson.
Vamos fazer e espalhar os santinhos de Chesterton pelo Brasil.
Abraço
Pedro Erik

Anônimo disse...

Eu gosto muito dos textos do Chesterton. Tenho o livro Ortodoxia e vou tentar comprar o livro Considetando todas as coisas.
Emanoel

Pedro Erik disse...

OK, caro Emanoel.
Grande abraço
Pedro Erik