sexta-feira, 13 de maio de 2011

No Aniversário do Blog, Queria Falar de Fátima, Mas não deu


Amigos, hoje o blog Thyself, O Lord completa 1 ano. Tive muitas alegrias e aprendi muito escrevendo este blog. Planejei ontem comemorar falando de N.Sa. de Fátima (hoje é o dia dela), dos 30 anos da bala que quase matou João Paulo II, e do Milagre do Sol. Mas, ao ver um vídeo da CNN no blog Weasel Zippers, a tristeza me pegou.

Fico realmente triste quando vejo crianças no caminho errado. Outro dia vi uma reportagem no Brasil sobre as escolas brasileiras, em que se mostrava a falta de bons professores, a péssima estrutura e a corrupção até na merenda escolar dos alunos.

Hoje, vi uma escola muito pior e muito mais perigosa.

As crianças destas escola "não aprendem matemática, não aprendem ciências, não aprendem sobre o mundo, aprendem apenas sobre o Islã e como os Estados Unidos são o mal". E o professor repete: "O Deus do Islã disse que ninguém pode ser amigo dos infiéis". Vejam o vídeo abaixo da reportagem de Stan Grant, traduzo em seguida em vermelho:



video

Aqui, os meninos rezam desde cedo e muito. Isto é o que se vê dentro deste local chamado madraça que ensina islamismo na cidade de Kabul, Afeganistão. Lá fora, o dia está apenas começando. Mas dentro crianças desde os seis anos de idade já estão presos lendo e relendo de forma contínua passagens do Corão em estado de transe. Ele repetem: "não há Deus, apenas Alá". Mas há outra lição aqui, que envenena a cabeça dessas crianças contra os Estados Unidos.

Reporter pergunta: "Vocês gostam dos Estados Unidos?"
Eles repondem: "Não!"
Reporter pergunta: "Os Estados Unidos deveriam sair do Afeganistão".
Eles dizem: "Sim!, o Afeganistão seria pacífico. Os Estados Unidos são o Diabo"

Uma criança diz: "Os americanos querem que afegãos e o Talibã lutem um contra o outro. Se eles fazem isso, os americnaos ficam felizes"

Essa é a mensagem que eles recebem diretamente do seu professor, um Imã.

O Imã/professor diz: "O Deus do Islã disse que nós nunca podemos ser amigos dos infiéis".

Isso é muito marcante, pois depois de dez anos neste país e centenas de soldados americanos mortos, os Estados Unidos não conseguiram ser bem vistos pelos afegãos. De fato, as crianças estão crescendo odiando os americanos, convencidos pela propaganda anti-ocidental. Aqui é o lugar em que as palavras de Bin Laden vivem.

Uma criança diz: "Nós nunca podemos ser amigos, são os americanos que estão fazendo ataques  suicidas e depois culpam o Osama Bin Laden".

Para estes meninos, este é o único mundo que eles conhecem e talvez o único mundo que eles conhecerão. Eles não estão apredendo sobre matemática ou ciências ou sobre o mundo, eles estão aprendendo apenas sobre o Islã.

Imã diz: "Uma criança é como uma árvore, queremos que quando ela dê fruto, ele seja da maneira certa."

Esta maneira é a maneira da Lei Sharia, onde a mulher deve ficar em casa e sair apenas com burca. Sair sem burca é nojento.

Os meninos lutarão pelo Islã e as autoridades querem que eles façam apenas isso.

No começo desse ano, explosivos e jaquetas com bombas foram descorbertos na escola, o antigo Imã/professor desses meninos está preso acusado de terrorismo. Os meninos defendem o antigo Imã, pois para eles tudo não passou de conspiração americana.

Uma criança diz: "Os americanos pegam os líderes religiosos e levam para longe, eu vi na televisão que os americanos enviam agulhas nas pessoas, é isto que eles fazem com nosso líderes"

Como as crianças de todo mundo, essas crianças gostam de brincar com armas de brinquedo, mas a guerra aqui não é brincadeira e o inimigo delas é os Estados Unidos. E eles acreditam que Deus está do lado delas.


Em todo caso, como a principal mensagem de N.Sa. de Fátima é que devemos rezar, aproveito neste dia de aniversário do blog para dedicar minhas orações a estas crianças, que eles vejam e aprendam muito mais na vida do que isto.

5 comentários:

Vânia Cavalcanti disse...

Olá, Pedro Erik!

Tomei conhecimento do seu blog e passei a visitá-lo seguindo sugestão dada na coluna de Augusto Nunes, mas nunca fiz nenhum comentário. Faço-o hoje para parabenizá-lo pelo "Thyself, o Lord", ele é diferente e interessante. Gostei também do bloco11cela18 que contempla um lugar sem Deus na história da humanidade, lugar este que é mais do que uma chaga: é uma interpelação permanente que nos faz lembrar do abismo e de seus monstros à espreita. O flerte com o abismo, ou o próprio abismo, é evidente nisso que você relata sobre as crianças no Afeganistão e a doutrina do ódio a que elas são submetidas. Que tristeza! Well, but today is also for celebrating, so let's rise a toast to the "Thyself, o Lord", cheers!
Vânia Cavalcanti

Pedro Erik disse...

Muito obrigado, Vânia.

Augusto Nunes é fantástico comigo, muito gentil e ainda conduz ótimos leitores para o meu blog.

Ótimo saber, que você descobriu o Bloco 11, Cela 18. Neste blog costumo colocar textos relativos ao distributivismo, doutrina que ainda estou estudando. É bem mais raro, eu postar por lá.

Como você disse, ele nasceu depois que visitei um lugar que todos deveriam visitar. Ontem, vi no site da Veja que Danilo Gentili ofendeu os judeus paulistas, escrevi dizendo exatamente isso, todos devem visitar Auschwitz para ter cuidado com teorias políticas que não têm a moral divina. Além disso, Cracóvia (cidade de João Paulo II), que fica perto, é fantástica.

Grande abraço,
Pedro Erik

Eduardo R. V. disse...

Oo

Choca por ser uma escola... mas praticamente em todo lugar tem alguma coisa contra os EUA. A escola demonizar um país e seu povo, é terrível. Mas quero dizer, não é novidade a demonização dos EUA.

Será que isso começou depois do 11de Setembro?

Pedro Erik disse...

É verdade, Eduardo, em todo mundo tem demonização aos Estados Unidos e isso não começou com o 11 de setembro, nem com o próprio Estados Unidos.

O demonizado já foi Roma, império bizantino, império espanhol, império britânico, etc.

O que é problemático é ver crianças não aprenderem nada além de ódio. É a condenação de uma geração inteira a estupidez. É a destruição dos mais fracos com a burrice de adultos.

Grande abraço,
Pedro Erik

SOCIEDADE BENEFICENTE ESPORTIVA JARDIM JANIÓPOLIS disse...

Parabéns.